Ei, você, EMPREENDEDOR!!! Qual o seu critério para tomada de decisões?

Dicas para fomentar os resultados em empreendimentos varejistas
14 de setembro de 2019
EMPREENDEDOR: Qual diferença da Gestão com foco na Eficiência x Eficácia x Efetividade?
21 de setembro de 2019

Ei, você, EMPREENDEDOR!!! Qual o seu critério para tomada de decisões?

Olá!

Hoje vamos falar sobre “Tomada de Decisões”, conhecer dicas práticas que podemos adotar como ferramentas gerenciais, facilitando essa tarefa de grande responsabilidade. Vem comigo e conheça 5 dicas práticas de tomada de decisões.

Administrar é tomar decisões, e decidir faz parte do dia-a-dia dos Gestores, e um bom Gestor é aquele que toma várias decisões em um curto espaço de tempo, certo? Resposta errada! É falsa a idéia que um bom Gestor toma decisões por minuto!

É claro que em nossa área pessoal ou profissional, tomamos pequenas decisões o tempo todo, desde a roupa que vestir, os móveis da nova sala de reunião, isso faz parte, mas quando a decisão for para contribuir diretamente nos resultados do seu empreendimento é importante ter critério para tomada de decisões, e para isso entender quais decisões merecem essa aplicação.

Aqui, o propósito é te orientar a administrar da melhor maneira para que suas decisões contribuam significativamente para impulsionar seus resultados.

OK Lilian! Bacana a reflexão, mas na real? É desafiador tomar decisões……

Concordo! O tomador de decisões sofre essa pressão, porque “na real” se tudo der certo, parabéns para a equipe, agora se algo der errado, a “culpa”foi da má Gestão.

O que fazer quando prevalecer a indecisão? Qual o melhor método?

É por esses questionamentos que decidi abordar esse tema para que possamos ter acesso a práticas gerencias e nos nortear durante o processo de decisão, gerando mais assertividade.

PRIMEIRA DICA: Tomar decisões é ter maturidade de reconhecer que toda decisão gera perca. Como assim? Sim, quando você decide avançar diante de uma oportunidade, (mesmo frente um cenário econômico instável) por pensar que é o momento certo para seu negócio, e durante o trajeto algo dá errado, é comum pensar: Poxa, por que não decidir recuar? Por isso o fato de ter um critério para nos direcionar, desenvolve a maturidade de tomar decisão e ASSUMIR a responsabilidade pela escolha.

Assumindo essa responsabilidade, quando acontecer algo diferente do que foi planejado, ao invés de se culpar ou culpar quem lhe ajudou na decisão, a sugestão é agir da seguinte maneira: Como vou transformar esse problema em solução?

SEGUNDA DICA: Toda decisão de GRANDE impacto, aquela que vai interferir em todas ou em uma dessas áreas: financeiro, processo e consumidor final, a sugestão é: Espere pelo menos 48 horas. Se é algo que não pode esperar uma análise de 48 horas, CUIDADO!

É claro que cada negócio tem sua particularidade, mas é importante adotar esse critério para evitar decisões quando está num elevado nível emocional.

TERCEIRA DICA: É importante lembrar que existem níveis de prioridades para decisões. Se você administra seu empreendimento para alcance de objetivos, é importante utilizar ferramentas simples, pois quanto mais simples, mais efetiva, e uma dica simples é adotar o método de escolha, para que você invista seu tempo ( nosso bem mais precioso) com a coisa certa. Segue abaixo 4 categorias de decisão:

  • Decisões importantes e urgentes: São atividades que não podem esperar, do tipo: FAÇA AGORA, então: Pare, resolva, decida!
  • Decisões importantes e não-urgente: Aqui se encaixa ações estratégicas , aquelas que são importante a longo prazo para seu negócio, e que o fator tempo pode ser programado (por exemplo: Adotar um software de gestão integrado). Em síntese: Estabeleça data e horário para você: Parar, resolver e decidir!
  • Decisões não importantes e urgentes: Aqui é momento que você: PARA e DELEGA.
  • Decisões não importantes e não urgentes: Quando menos percebemos estamos “gastando”nosso tempo com ações que deveriam ser eliminadas, é neste momento que você: Para, analisa o que não faz parte do seu escopo de trabalho, e ELIMINA!

QUARTA DICA: Use e abuse da ferramenta 5W2h, tanto para tomar decisões ou para assumir as responsabilidade de uma decisão que gerou erros. A sugestão é sempre compartilhar com pessoas da equipe que te auxiliarão no planejamento, execucão e verificão das ações definidas.

QUINTA DECISÃO: Monte um quadro de alternativas ( eu amo trabalhar com Gestão ä vista, aqueles com Post-it) isso irá facilitar para que você e sua equipe visualizem antes de “bater o martelo de decisões:

  • Ter todas informações ligadas à decisão;
  • Analise as oportunidades e problemas emergentes;
  • Em casos de problemas: Definição claro do problema (dificuldades, obstáculos);
  • Estabelecimento de alternativas para solução , ponderação dos prós e contras, ( ganhos e percas);
  • Com base nesses critérios, escolha a melhor decisão;
  • Defina a execução ( a sugestão é definir prazos de pequenas escalas);
  • Acompanhe os resultados ;
  • Quando ocorrer erros, assuma a responsabildiade, faça as ações corretivas e aprenda com o erro, aprimorando seus resultados.

Conclusão

  • Tomar decisões é assumir responsabilidades pelas escolhas;
  • Empreender é tomar decisões que poderão ser assertivas ou refutativas;
  • Definir critério para tomadas de decisão amadurece a Gestão. E você, ja definiu seu critério de decisão?

Lilian Caetano Bueno

Trading Consulter

Scamper Consultoria e Assessoria Empresarial